OVO – um aliado para o emagrecimento por Dra Pollyana Aoki

Há alguns anos ele deixou de ser o VILÃO e passou a ser classificado como SUPER ALIMENTO, que nós Nutricionistas adoramos!!! Fica atrás somente do leite materno que é o alimento mais completo, mas o ovo reúne todos os nutrientes necessários à vida.
Fonte de Vitamina B12, vitaminas A,D,E e K, folato, aminoácidos, proteínas, colina, carotenóides, luteína e zeaxantina, minerais (pelo menos 14), e por aí vai. Tudo isso faz com que ele atue de forma positiva no tratamento de doenças cardiovasculares, regeneração macular e prevenção de catarata, tratamento de artrites, alergias, sistema imunológico, crescimento e desenvolvimento celular, proporciona uma série de benefícios para o cérebro (memória e concentração) e possui ação antioxidante, que protege as células das ações lesivas dos radicais livres, evitando o envelhecimento celular.
E porque ele ajuda a emagrecer? Porque ele aumenta a Adiponectina, que é um hormônio exclusivamente secretado do tecido adiposo na corrente sanguínea e seus níveis no plasma sanguíneo estão INVERSAMENTE relacionados com o percentual de gordura corporal em adultos. Esse hormônio é responsável pelo início em cascata de reações metabólicas que rapidamente transforma gordura corporal armazenada em energia.

Geralmente o ovo caipira vem com a gema mais alaranjada. Foto: internet.

O melhor ovo para ser consumido é o caipira ou orgânico, pois possui de 10 a 20x mais ômega 3 que o ovo branco de granja. No GERAL a quantidade recomendada é de pelo menos 01 ovo por dia (ou 7 ovos na semana) e preferencialmenete cozido, pois assim não há o acréscimo de gorduras e aumento de calorias.


Ele também pode ser consumido como omelete ou ovos mexidos feito com pouco ou sem óleo (ÓLEO DE COCO) em uma frigideira antiaderente. Há opção de “fritar” os ovos na água. Porém, lembre-se: o ovo jamais deve ser consumido cru ou com a gema mole, pois há o risco de infecções intestinais, como a por salmonela. E atenção!!! Outro cuidado é não armazená-los na porta da geladeira, pois neste local ele corre maior risco de trincar (em função do movimento de abrir e fechar) e oscilar a temperatura de armazenamento, essas duas situações propiciam a contaminação pela salmonela.
Tenham uma ótima semana!
Saúde!
Pollyana Aoki
IG: @nutri_pollyaoki

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s