Queimaduras: o que fazer? – Por Dr Cyro Hirano

Em época de festas juninas e julinas, onde são comuns fogueiras, balões e fogos de artifício, aumentam muito o número de casos de queimaduras.

A Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) alerta para os riscos de queimaduras, e vamos as dicas.

Foto: internet.

Queimaduras são lesões na pele provocadas geralmente pelo calor, mas também podem ser causadas pelo frio, eletricidade, produtos químicos, radiações, e até fricções.

Como identificar e tratar os tipos de queimaduras?

Queimaduras de 1o grau:

Atingem a camada mais superficial da pele. A lesão em geral é vermelha, quente e dolorosa (ex. queimadura de sol).
Faça compressas frias nas primeiras horas.
Nunca usar receitas caseiras, de pasta de dente ou manteiga em nenhuma hipótese!
Manter a queimadura hidratada, tomar analgésico em caso de dor e use filtro solar quando exposto ao sol.

Queimaduras de 2o grau superficiais:

Geram bolhas e muita dor. As bolhas devem ser furadas, mas não retiradas pois servem como curativos biológicos ( esse procedimento deve de preferência ser realizado por um médico ou enfermeiro).
Após o rompimento das bolhas, o curativo deve ser feito com uma pomada cicatrizante com antibiótico, e use filtro solar para evitar manchas.

Queimaduras de 2o grau profundas:

São menos dolorosas. As bolhas são brancas e secas e o tratamento é semelhante ao da queimadura de 3o grau.

Queimaduras de 3o grau:

Apesar de acometerem todas as camadas da pele, são indolores e podem atingir até os músculos.

Na maioria das vezes, há necessidade de internação hospitalar, pois geralmente ocorrem manifestações sistêmicas, desidratação, necessidade de retirada de tecidos necrosados, chegando até realizar enxertia.

Todos os pacientes com queimaduras de 2º e 3º graus devem tomar vacina contra o tétano, ingerir muito líquido e manter os membros acometidos elevados, para alívio da dor e do edema.

Se forem queimaduras significativas na face, mãos, pés e genitália, queimaduras elétricas ou de vias aéreas superiores, procure imediatamente uma emergência hospitalar.

Por isso MUITO cuidado em “brincar” com fogo, fogueira ou fogos de artifícios, para não se queimar!

Até semana que vem.

Dr. Cyro Hirano

(Instagram: @cyrohirano, @cdclinicadermatologica)

-Não possui nenhum conflito de interesse com a indústria farmacêutica ou de equipamentos.

– As fotos deste post possuem somente caráter ilustrativo.

– Os resultados de qualquer tratamento podem variar de acordo com a resposta individual. 

– As opiniões aqui contidas podem divergir das de outros profissionais da área, e essas informações não podem ser usadas legalmente contra terceiros, como evidência de falhas ou enganos de outros profissionais. 


Lembrando que estamos aqui para informar e que um post não substitui uma consulta médica.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s