Benefícios do COCO – Por Dra Pollyana Aoki

“Em sânscrito o coqueiro é chamado de kalpa vriksha, que significa árvore que oferece o necessário para viver, porque tudo pode ser aproveitado da planta.”

Estudos científicos já demonstraram os benefícios do Coco para nossa saúde. Ele é considerado um superalimento estando atrás apenas do leite materno e do ovo

O valor nutritivo do coco depende se o coco está verde ou mais maduro. Quando verde, sua água contém sais minerais como potássio e fósforo, fibras e glicose (um tipo de açúcar muito fácil de digerir e que deve ser evitado pelos diabéticos).

Hoje podemos ter o Coco como nosso aliado para combater as doenças da vida moderna. Ele pode estar presente em todas as refeições do nosso dia de diversas maneiras!

  
 

ÁGUA: possui ação diurética e ajuda a combater a retenção de líquidos e inchaço. É indicado para casos de diarréia, vômitos, desidratação e enjoos na gestação, por ser rica em sais minerais, potássio e magnésio. Também é fonte de Vitaminas A, C e do complexo B (B1, B2, B3 e B6). Por possuir Vitamina C, atua no nosso sistema imunológico e auxilia na absorção de ferro pelo organismo. São inúmeros benefícios que podemos ter, mas não convem exagerar e muito menos substituir a água natural por água de coco, pois ela contem 40 kcal aproximadamente em 200 ml.

POLPA: a polpa do coco também traz benefícios, auxilia no bom funcionamento intestinal devido ao seu alto teor de fibras, mas atenção: a polpa é extremamente calórica, cada 100g tem aproximadamente 370kcal. Ela pode ser usada como fonte de energia rápida para os praticantes de atividade física e, como é fonte de potássio, ajuda prevenir cãimbras. 

ÓLEO: A maior parte da gordura do Óleo de Coco é saturada, porém é uma gordura de ótima qualidade, rica em ácido láurico(presente também no leite materno) que é excelente para o sistema imunológico, com propriedades antivirais, antibióticas e antifúngicas e ajuda a proliferar as bactérias boas no nosso intestino, melhorando a absorção de nutrientes e diminuindo a inflamação do organismo. A estrutura química do Óleo de Coco é formada por triglicerídeos de cadeia média (TCM) que auxiliam na digestão e queima de gordura, atividade cerebral e em alterar o perfil do colesterol no sangue.

FARINHA: é obtida através da polpa e da casca, contém alta quantidade de fibras, cerca de 2,5g para cada 10g da farinha.Também ajuda na saciedade e “varre” as toxinas para fora do organismo, favorecendo a dieta. Não contém glúten, podendo substituir parcialmente a farinha de trigo nas receitas de pães, tortas e bolos.

LEITE: perfeito para quem não pode ingerir leite, ou mesmo quer evitar, pois o leite de coco caseiro é um excelente substituto. Possui todos os benefícios do Coco.

AÇÚCAR: o sabor do açúcar de coco é muito parecido com o sabor do açúcar tradicional, mas seu Índice Glicêmico é muito mais baixo (IG=35), assim é bem melhor para a saúde que o açúcar refinado (IG=92). Isso quer dizer que o açúcar de coco produz uma liberação lenta de energia, sem promover picos de açúcar no sangue. Também é fonte natural de potássio, magnésio, zinco, ferro e vitaminas do complexo B (B1, B2, B3 e B6). Serve para uso culinário e in natura, pois os cristais de açúcar de coco se dissolvem facilmente, dando um delicioso e doce sabor a todos os tipos de receitas.

  

LEITE DE COCO CASEIRO

Ingredientes:

  • Água quente
  • Um coco seco inteiro
  • Um pedaço de tecido para fazer queijo evoá, ou pano de prato devidamente esterilizados.

Preparo:

Após abrir o coco e descolá-lo de sua casca, pique-o em pedaços bem pequenos, mas bem pequenos mesmo, pois isso facilitará o trabalho do liquidificador. Não é necessário remover a parte marrom que fica no inferior do coco, só remova se você fizer questão, mas não é necessário.

Em um liquidificador coloque metade do coco picado. Então adicione água quente até que ela o cubra. Coloque a quantidade de água suficiente para cobrir o coco que está no copo do liquidificador.

Bata até que fique com textura de coco ralado industrializado, ou seja, até que ele seja bem processado. A dica é bater com calma, desligando de vez em quando e religando, o segredo é conhecer bem a potencia do seu liquidificador . Quando o coco estiver com a textura de coco ralado, reserve e bata a outra metade da mesma forma.

Faça uma trouxinha com o tecido e esprema o coco até que todo o líquido seja drenado e pronto, o seu leite de coco caseiro está pronto. A textura dele fica como a de leite, branquinha e fluida.

  

Dicas

– O ideal é consumir o leite de coco caseiro em no máximo 3 dias e guardá-lo na geladeira. Você notará que ele ficará com duas fases depois de algumas horas, mas basta misturá-las que tudo volta ao normal. Você também pode usar o leite de coco em qualquer receita que leve leite como substituto.

– Não jogue fora o coco ralado que sobrou da drenagem do leite de coco. Basta colocá-lo em uma vasilha e guardar na geladeira.Você também terá coco ralado feito em casa para usar em receitas.
Saúde!

Até semana que vem!

Polly Aoki
 

Um comentário em “Benefícios do COCO – Por Dra Pollyana Aoki

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s